E aí tchurma, só nos computer? Hoje eu tô aqui com essa belezinha de RX 580 Strix, que a ASUS mandou pra gente.

Você que manja da picareta já sabe que essa é A PLACA pra minerar bitcoins, né? Mas neste vídeo, eu, que sou um cara muito games, vou dar os detalhes dessa big placa na hora do vamo vê.

Design

E olha só, quem diria hein, não é que a ASUS RX 580 Strix é bem parecida com a RX 570 Strix? Pois é, a ASUS manteve aí o design tradicional da série aqui, mas fez uns ajustes que deixaram a placa ainda mais linda.

Dá uma olhada no tamanho dessa delícia e imagina ela instalada no teu PC. Então, só tem que ficar ligado porque ela mede quase 30 centímetros, então não cabe em qualquer gabinete.

  • Dimensões: 29,8 x 13,4 x 5,25 cm

Uma coisa animal da RX 580 Strix é esse sistema de ventilação. Pensa só na brisa... São três ventoinhas com tecnologia Wing-Blade, que, segundo a ASUS, aumenta em 105% a pressão de ar sobre o dissipador.

ASUS RX 580 Strix - Diferenciais

Você que é um jovem sagaz já manja que a RX 580 vem pra substituir a RX 480 e brigar forte com a GTX 1060 de 6 gigas.

  • Stream processors: 2.304
  • Clock: 1.360 MHz (Gaming) ou 1.380 MHz (OC)

E o que mudou da antiga Polaris pra nova? Falando bem a real, a única diferença mesmo é o clock da GPU, que subiu quase 10%. De resto, as duas tem o mesmo número de stream processors, TMUs, ROPs, memória RAM, etcetera.

  • Memória RAM: 8 GB
  • Interface da memória: 256-bits

A RX 580 Strix vem com um overclocking adicional de 20 MHz, mas ela ainda só precisa de um conector de energia. O TDP é de 185 watts e uma fonte de uns 500 watts já dá conta do recado.

Agora, qual o benefício desse oveclocking na prática? Bom, bora instalar e ver ela funcionando. E ó, tá pronto! Bom, quando a gente liga, já tem a primeira surpresa.

Como toda placa gamer de verdade, ela vem com essa cintilação que parece um verdadeiro arco íro. E olha, te dizer viu, que placona bonita da porra!

Desempenho

Pra rodar os testes, a gente vai usar esse PC aqui com Intel Core i7-6700K, 16 giga de RAM DDR4 da Corsair, SSD Intel e fonte Corsair de 1500 watts. Setup pronto, então vamo jogar.

Mas, antes, vamos ver aqui no aplicativo da ASUS que as configurações estão todas dentro do padrão. Esta placa pode rodar em três modo: OC, Gaming ou Silent. Por padrão, ela roda em Gaming, então vamos manter assim.

Bom, nesse primeiro round, eu vou rodar os games em Full HD. Vamo começa com o Deus Ex na qualidade Muito Alta e sem filtros.

Aí, o desempenho é bem suave, nessa qualidade, mas a média fica aí na casa dos 45 frames, com leves quedas. No benchmark do jogo, a máxima foi de 59 frames por segundo, o que é bom hein?

Agora, bora rodar o GTA 5, vamos manter a qualidade Ultra e desativar os filtros, ok? A performance no GTA vai depender bastante do cenário, mas, nas ruas, a média fica perto dos 70 ou 80 fps.

Pra finalizar, se liga no Ghost Recon Wildlands. Deu pra rodar o jogo suave na qualidade Muito Alta e com uma média aí na casa dos 50 frames por segundo.

4K

Agora, quando a gente pensa em 4K, aí o bicho pega, viu? O jogo The Division, por exemplo, só roda com um desempenho legal na qualidade média. Nesse padrão aqui, a média fica perto de 35 frames por segundo.

Já o Wildlands é melhor até baixar a qualidade pra nível Baixo, quando as mínimas ficam um pouequinho abaixo dos 30 fps. Então, assim, mesmo que a ASUS e a AMD prometam que ela roda 4K, a performance não é bem aquilo que você tá imaginando.

Overclocking, temperatura e consumo

E que tal a gente fazer aqueleee overclocking, hein? Assim, sobre overclocking, já vou adiantar que essa placa não é aquela beleza nesse aspecto.

Antes de gravar o vídeo, eu passei um bom tempo tentando jogar a potência nas alturas, com ajustes no Power Limit e incrementando devagar o clock.

O máximo que deu pra melhorar foi 40 MHz, com um clock travado em 1.400 MHz. Os ganhos são mínimos nesse patamar, então, às vezes, nem compensa forçar muito a placa.

A placa até fica quase estável em 1,4 GHz e deu pra rodar o Furmark por alguns minutos, mas os jogos simplesmente não rodam.

Agora, voltando pros ajustes normais, a gente pode ver que a ASUS fez um trabalho foda na refrigeração. Essa placa dificilmente vai chegar aos 70 graus, nem se você deixar o Furmark ou algum game aí fritando o dia inteiro.

Na parte de consumo, a RX 580 Strix suga quase 160 ou 170 watts na hora da jogatina pesada. Nada mal e tá bem dentro do que é prometido pela fabricante.

Vale a pena?

E o que dizer dessa monstra que eu já testei e considero pacas? Sinceramente, além de linda, é uma placa excelente pra jogatina. Os resultados foram ótimos e não dá pra reclamar de quase nada. Eu esperava um pouquinho mais na parte do overclocking, mas faz parte do show.

Infelizmente, não dá pra gente falar muito de preço numa época em que o preço das Radeon disparou aí para os mineradores, então não tá fácil recomendar essa belezinha por quase 3 mil reais que algumas lojas tão cobrando. Agora, assim, a hora que o preço voltar ao normal, pode apostar nessa ASUS que não tem erro!

Mas, fala aí, era essa peça que vocês queriam? Então, deixa aquele like overclockado, posta seu comentário aí e compartilha esse vídeo com os amigos.

Valeu pela sintonia e até a próxima!